Navegue pelos links disponíveis neste site e veja várias dicas de dietas para emagrecer rápido e, várias dicas para perder peso saudavelmente.

Não achou o que queria? Procure aqui

Não achou o que queria? Procure aqui

Sete Nutrientes que não Podem Faltar na sua Dieta



Pense sua dieta é saudável? Tente novamente. As Dietary Guidelines for Americans diz que muitos adultos não têm sete nutrientes essenciais - de cálcio para a fibra - e certos grupos de pessoas estão desaparecidas ainda mais. Preencher tantas lacunas de nutrientes parece intransponível, sem suplementos, mas mais frequentemente do que não, a comida pode resolver as deficiências.



Cálcio: nutriente essencial para os músculos, ossos e Mais

Você não supera a sua necessidade de cálcio só porque você está crescido. Embora o cálcio é necessário para reforçar o desenvolvimento de ossos, também é necessário para manter o esqueleto forte durante toda a vida. E isso não é tudo. Além de participar na manutenção de um ritmo normal do coração, o cálcio desempenha um papel na coagulação do sangue e da função muscular.

Estudos têm mostrado uma ligação entre a ingestão adequada de cálcio e menor pressão arterial, bem como o controle de peso.

O Institute of Medicine (IOM), o grupo de especialistas que define quotas de nutrientes, determinou que o cálcio deve aumentar com a idade. Aqui está o que você precisa todos os dias:

19 a 50 Idade: 1.000 miligramas
51 anos acima: 1.200 miligramas
Três porções de alimentos lácteos por dia, como parte de uma dieta equilibrada, fornece a maioria das pessoas com o cálcio de que necessitam. Tente obter cálcio dos alimentos, de preferência laticínios. O cálcio é melhor absorvido na presença de lactose açúcar do leite, natural.

Alguns exemplos de alimentos que fornecem cerca de 300 miligramas de cálcio por porção:

leite ou iogurte
cálcio adicionado sumo de laranja
queijo duro
bebida de soja fortificado
Nutrientes Bônus: alimentos lácteos e de magnésio de soja fornecimento; suco de laranja potássio packs.

Fibra: nutriente essencial para a saúde geral

A fibra é melhor conhecido por manter os movimentos intestinais regulares e prevenir outros problemas intestinais, incluindo a doença diverticular, uma inflamação intestinal. Anos de pesquisa sobre a fibra ressalta sua importância na saúde em geral, também.

Alimentos ricos em fibras reduzem o risco de desenvolver doenças crônicas, incluindo doenças cardíacas , câncer , e tipo 2 diabetes . A fibra é também de enchimento, e é encontrada em alimentos que são relativamente baixos em calorias, por isso é fundamental para o controle de peso.

Necessidades de fibra são baseados em necessidades calóricas. É por isso que homens e mulheres geralmente diferem em suas necessidades diárias de fibras, e por quotas diminuir com a idade:

Homens 19-50 anos: 38 gramas, 51 anos ou mais: 30 gramas
Mulheres 19-50 anos: 25 gramas, 51 anos ou mais: 21 gramas
É benéfico, então por que não muitas pessoas se fartam de fibra? Especialistas culpam a falta de alimentos de origem vegetal, incluindo grãos integrais.

Aqui estão algumas maneiras fáceis de aumentar a ingestão de fibras:

Snack em grãos integrais, frutas, biscoitos ou vegetais ou pipoca (um grão inteiro) ao invés de biscoitos, doces e batatas fritas.
Escolha pães integrais e cereais, massas de trigo e outros cereais integrais, como quinoa, milho, cevada, trigo rachado, e arroz selvagem.
Olhe para pães com mais de 3 gramas de fibra por fatia; ir para cereais com cinco ou mais gramas de fibra por porção.
Iniciar uma refeição com feijão baseados sopas, como feijão lentilha ou preta. Adicionar enlatados, grão de bico lavados para saladas, sopas, ovos e massas.
Inclua frutas, verduras e cereais integrais em cada refeição.
Nutrientes Bônus: frutas frescas e levemente processado e legumes e feijão são ricos em potássio; feijão também fornecer magnésio.

Magnésio: nutriente essencial para ossos Imunidade, e mais

O magnésio é um herói anônimo das sortes. Este mineral participa poderoso em centenas de funções corporais que promovem a boa saúde, mas poucas pessoas sabem que o magnésio contribui para a resistência óssea; promove a imunidade de pico, e normaliza a nervos, músculos e funções cardíacas.

Você precisa deste magnésio muito todos os dias:

Homens, 19-30: 400 miligramas, 31 e mais velhos: 420 miligramas
Mulheres, 19-30: 310 miligramas, 31 e mais velhos: 320 miligramas
Veja como satisfazer as necessidades de magnésio:

Opte por grãos integrais; quinoa e trigo rachado (bulgur) são particularmente ricos em magnésio
Snack em sementes de abóbora
Polvilhe amêndoas em cima de cereais ou de baixo teor de gordura iogurte congelado
Escolha as leguminosas, como feijão preto, feijão branco e soja como fonte de proteína algumas vezes por semana em vez de carne
Consumir três porções de alimentos com baixo teor de gordura por dia
Nutrientes Bônus: Quinoa e trigo rachado são preenchidos com fibra; amêndoas estão estourando com vitamina E e contêm cálcio e leite é uma excelente fonte de cálcio.

Vitamina E: um nutriente essencial para combater os radicais livres

Um medo extraviada de gordura pode prejudicar a saúde, impedindo-o de obter a vitamina E que você precisa.

A vitamina E, encontrada principalmente em alimentos gordurosos, como nozes, sementes e óleos, é um potente antioxidante. Combate radicais livres, as moléculas de oxigénio instáveis ​​que resultam de metabolismo normal, bem como a exposição a poluição do ar, o fumo do cigarro, e os raios ultravioletas fortes.

A vitamina E é um nutriente complexo; alimento fornece oito tipos diferentes de Especialistas vitamina E. ter determinado que o alfa-tocoferol de vitamina E (AT) é a mais útil das formas de vitamina E. Homens e mulheres com mais de 19 anos precisam de 15 miligramas de a cada dia.

Veja como obter mais vitamina E a partir de gorduras saudáveis:

Snack em sementes de girassol ou amêndoas e adicioná-las às saladas, legumes cozidos no vapor e cozidos de grãos inteiros
Desfrute de uma sanduíche de manteiga de porca no pão integral
Use de girassol e óleo de cártamo, em vez de óleos de milho ou vegetais
Combine baixo teor de gordura do leite, mel e 1 onça amêndoas torradas no liquidificador por um smoothie deliciosa e nutritiva
Incluem Vitamina E-fortificados pronto-a-comer grão inteiro cereais
Nutrientes Bônus: Os cereais integrais fornecem fibras, sementes de girassol oferecer magnésio e fibra, e leite contém cálcio.

Vitamina C: nutriente essencial para um sistema imunológico saudável

É elogiado por ajudar o corpo a repelir os germes e câncer, mas não é o único responsável por um sistema imunológico saudável.

A maioria das pesquisas sobre dieta e prevenção do câncer incide sobre os benefícios de consumir uma dieta alta em frutas, vegetais e grãos integrais, e não simples suplementos nutricionais como a vitamina C.

A vitamina C também é vital para a produção de colágeno, o tecido conjuntivo que mantém os músculos, pele e outros tecidos, incluindo ossos, saudáveis. E, como a vitamina E, vitamina C é um poderoso antioxidante que ajuda a afastar os danos celulares.

Você precisa tanto assim vitamina C diariamente:

Homens, 19 e mais velhos: 90 miligramas
Mulher, 19 anos ou mais: 75 miligramas
Seu corpo não pode armazenar vitamina C ou torná-lo, então você precisa de algum todos os dias. Inclua alguns desses C-ricos da vitamina alimentos em sua escolha de frutas e vegetais:

Pimentão vermelho cru, 1/2 xícara: 142 miligramas
Kiwi médio: 70 miligramas
Suco de laranja, 6 onças: 61-93 miligramas
Morangos, 1/2 xícara prima: 49 miligramas
Cantalupo, médio 1/4: 47 miligramas
Brócolis, cozido, 1/2 xícara: 51 miligramas
Bônus: nutrientes ricos em vitamina C alimentos também fornecem potássio e fibras. Pimentão e melão são ricos em carotenóides. Consumir vitamina C durante as refeições ou lanches melhora a absorção do ferro dos alimentos vegetais e grãos enriquecidos com ferro.

A vitamina A e carotenóides: nutriente essencial para os olhos

Um jogador importante na boa saúde, a vitamina A é essencial para a visão normal, a expressão do gene, o crescimento do tecido, e função imunológica adequada, entre muitas outras funções.

A vitamina A vem em duas formas: como retinol (pré-formado e pronto para o corpo a usar) e carotenóides, as matérias-primas o corpo converte em vitamina A. americanos não têm nenhuma dificuldade em consumir retinol adequados, mas eles não recebem carotenóides suficiente.

Embora não haja necessidade diária de carotenóides, alimentos ricos em carotenóides são ricas em nutrientes saudáveis.

Concentrando-se sobre a inclusão de produtos coloridos, provavelmente, chegar carotenóides mais do que você está comendo agora. Top picks incluem:

Cenouras
Batata doce
Abóbora
Espinafre
Cantalupo
Pimenta doce
Brócolis
Nutrientes Bônus: Os alimentos que contêm carotenóides são ricos em potássio e fibras de abastecimento, não há vitamina E e magnésio em espinafre e vitamina C em brócolis.

Potássio: nutriente essencial para nervos e músculos

O potássio está presente em cada célula do seu corpo. Ela desempenha um papel central na contração muscular normal, transmissão de impulsos nervosos, e equilíbrio de fluidos. Potássio mesmo serve para promover os ossos fortes, e é necessário para a produção de energia.

Adequadas coberturas a ingestão de potássio contra a pressão alta , que sobe com a idade. Homens e mulheres com mais de 19 anos precisam de 4.700 miligramas de potássio a cada dia.

Se você já tem pressão alta, consulte o seu médico ou farmacêutico sobre os medicamentos que toma para controlá-lo. Algumas drogas, incluindo alguns diuréticos, causam o corpo a perder de potássio, o que aumenta suas necessidades de potássio.

Estes alimentos potássio-embalados irá ajudá-lo a cumprir sua cota diária:

1 xícara de feijão branco em conserva: 1189 miligramas
1 xícara de espinafre cozido: 839 miligramas
Batata-doce Médio, cozidos: 694 miligramas
1 xícara de iogurte sem gordura: 579 miligramas
1 xícara de suco de laranja: 496 miligramas
1 xícara de brócolis cozido: 457 miligramas
1 xícara de melão: 431 miligramas
Nutrientes Bônus: Beans de magnésio e fibra de abastecimento. A batata-doce, brócolis e melão podem impulsionar fibras e carotenóides; iogurte contém cálcio.

Quem pode necessitar de ainda mais nutrientes?

Mulheres em idade fértil

Se há uma chance de você engravidar, dois nutrientes são particularmente importantes.

Ácido Fólico

O ácido fólico é a forma sintética do folato vitamina B. Uma vez que você conceber, ácido fólico (folato e, a forma natural) ajudar a proteger seu bebê contra defeitos de tubo neural (e lábio leporino, possivelmente, e / ou palato) durante os primeiros 30 dias.

Obtendo os recomendados 400 microgramas de ácido fólico todos os dias a partir de suplementos ou alimentos juntamente com uma dieta rica em folato cheias de alimentos é fundamental para as mulheres que podem engravidar. Folato é importante durante o restante da gravidez, também. É envolvido na produção de células e protege contra um certo tipo de anemia.

O corpo absorve o ácido fólico com o dobro da eficiência de folato alimentar, o que explica a recomendação para a variedade artificial. Mesmo assim, alimentos ricos em folato são importantes, também.

Alimentos fortificados incluem:

1 onça pronto-a-comer cereais de pequeno-almoço: 100-400 microgramas de ácido fólico
1 xícara cozida macarrão enriquecido: 80 microgramas de ácido fólico
2 fatias de pão enriquecido: 34 microgramas de ácido fólico
O folato cheias de alimentos incluem:

1 xícara de lentilhas cozidas: 358 microgramas de folato
1 xícara de espinafre cozido: 263 microgramas de folato
1 xícara de brócolis cozido: 168 microgramas de folato
1 xícara de suco de laranja: 110 microgramas de folato
Ferro

O ferro é responsável pelo transporte de oxigénio para as células e tecidos do corpo. É importante que as mulheres consomem ferro adequado antes da gravidez , bem como durante. A gravidez é um empecilho para os estoques de ferro e pode causar deficiência de ferro anemia na mãe.

Para evitar problemas de saúde, os especialistas dizem que as mulheres deve incluir alimentos ricos em ferro heme, a forma altamente absorvível encontrada em alimentos de origem animal, e incluir alimentos ricos em ferro de plantas ou alimentos enriquecidos com ferro juntamente com vitamina C. A vitamina C melhora a absorção de não -heme. A quantidade ideal é de cerca de 18 mg de ferro diariamente para as mulheres entre 19 e 50. As mulheres grávidas devem receber 27 miligramas por dia.

Ferro heme fontes:

3 onças de carne bovina cozida: 3 miligramas
3 onças de peru cozido: 2 miligramas
3 onças de carne de frango cozida luz: 1 miligrama
Não-heme fontes de ferro:

3/4 xícara total de cereais de trigo integral: 22 miligramas
1 xícara de aveia fortificado instantânea: 10 miligramas
1 xícara de soja cozida: 8 miligramas
1 xícara de feijão cozido: 5 miligramas
Adultos mais velhos, pessoas com pele escura, e aqueles que evitar o sol

O que esses grupos têm em comum? Eles podem faltar vitamina D.

Produção de vitamina D é iniciada na pele, em resposta à luz solar. Pessoas que evitam o sol pode não fazer o suficiente vitamina D. O mesmo vale para pessoas com pele mais escura, que têm um maior nível de melanina, um protetor solar natural.

Idade diminui a capacidade do corpo para produzir vitamina D, as pessoas tão mais velhas podem facilmente tornar-se deficiente, mesmo quando se fartam dom Para piorar as coisas, a vitamina D tem dupla após a idade de 51 a 400 unidades internacionais (UI) por dia (o equivalente a quatro copos de leite), e aumento de 600 UI por dia, após 70 anos de idade.

Além disso, a maioria dos alimentos são pobres fontes naturais de vitamina D. É por isso que os especialistas recomendam consumir vitamina D de alimentos fortificados, incluindo cereais, leite e café da manhã, e de suplementos. Você pode precisar de uma mistura de ambos para obter a vitamina D que seu corpo requer.

Veja essas dicas também:

Dietas para Emagrecimento Rápido



Quando se trata de dieta para emagrecimento rápido, as calorias são mais importantes, diz Dansinger. Ele recomenda o corte diário de 7 calorias por quilo de seu peso corporal atual (que para uma pessoa de 200 quilos, por exemplo, seria de 1.400 calorias), mas não menos de 1.050 calorias por dia (o nível mais baixo que pode ser feito com segurança em casa). Nutricionistas recomendam tipicamente mais 1.200 calorias, no mínimo, diariamente.



Dansinger defende uma dieta que minimize amidos, (mesmo saudáveis ​​grãos integrais devem ser controladas), adição de açúcares e gordura animal de carne e laticínios. Para obter um emagrecimento rápido, na dieta deve-se comer principalmente frutas, legumes, ovos brancos, produtos de soja, peito de aves sem pele, peixes, mariscos, laticínios desnatados, e 95% de carne magra.

Ele observa que há outras maneiras de controlar calorias, como a minimização de gordura total, mas acredita que tende a ser mais desafiador do que o seu plano sugere para o emagrecimento.

Outros especialistas entrevistados pelo WebMD táticas recomendadas, incluindo beber muita água, comer bastante proteína, e manter um diário alimentar.

"Coma bastante proteína e distribuí-lo uniformemente através de suas refeições para minimizar a perda muscular e maximizar a perda de gordura", diz Tallmadge, autor de simples dieta, que também aconselha os clientes a trocar carboidratos em favor de vegetais.

Nutricionista alvorecer Jackson Blatner, RD, autor de A Dieta Flexitarian, recomenda:

Comer em abundância legumes de baixa caloria para ajudá-lo a se sentir completo.
Beba muita água para que você não confunda fome com sede.
Limpar a casa de alimentos tentadores.
Fique ocupado para evitar comer fora de hora.
Sempre comer três refeições e um lanche por dia - não pular refeições.

Pesando-se diariamente e acompanhando sua ingestão de alimentos também pode ajudá-lo a manter o foco, dizem os especialistas.

"Mesmo se você anotá-la em um guardanapo e acabam jogando fora, o ato de escrevê-la e sobre ser responsável perante si mesmo é uma ferramenta muito eficaz para um emagrecimento rápido", diz Bonnie 

Embora ele não vai ajudar você a perder peso, Blatner diz que comer sementes de funcho, gengibre, salsa, hortelã, abacaxi, e iogurte com mel um a três dias antes do grande evento pode ajudá-lo de-bloat e manter o seu sentimento barriga achatada.

Veja essas dicas também:

Como Perder Peso Rápido | Como Fazer Isso com Segurança



Você já ouviu isso uma e outra vez: dietas da moda não funcionam para perder peso permanente. Mas que sobre aqueles momentos em que você realmente precisa perder algum peso rápido? Quando o assunto é perder peso, chega um momento que aparece um ponto de interrogação em cima da nossa cabeça com a seguinte pergunta: como perder peso rápido? Pois é, é difícil fazer dietas não é mesmo e as vezes até prometemos em não quebrar dietas, como a dieta da limonada, dieta da sopa, mas veja bem, na internet encontramos vários tipos de dietas as que promete perder 21 quilos em 21 dias etc...então, o que há de errado com queda de 20 quilos rápido, assim você pode impressionar seus amigos e familiares com uma forma esbelta de novo?



A verdade é que nada está errado com a perda de peso rápido - desde que você faz isso da maneira certa, diz Michael Dansinger, MD. Ele é o médico da NBC, The Biggest Loser espetáculo, que destaca a perda de peso rápido e dramática.

"Em teoria, pode-se cair até 20 quilos em uma semana seguindo uma alimentação muito ambicioso e exercício plano, dedicando mais de sete horas por semana de exercícios rigorosos, e sob os cuidados de um médico", ele diz.

Mas mesmo se você não pode largar tudo para ir para um spa, você pode seguramente perder 3 quilos ou mais por semana em casa com uma dieta saudável e muito exercício, perder peso, diz conselheiro Katherine Tallmadge, RD.

Na verdade, ter um objetivo como uma grande procura em um casamento ou reunião pode ser um grande motivador, desde que você siga um plano de emagrecimento que você pode manter-se após o evento especial.

Mas você precisa planejar com antecedência e dar tempo suficiente para fazer alterações à sua forma.

"Não espere até uma semana antes da reunião para tentar perder 10 quilos", aconselha Tara Gidus, MS, RD, a equipe de nutricionista para o Orlando Magic.

Veja essas dicas também:

Anfetamina Inibidor de Apetite



Nas últimas décadas, a anfetamina tem sido usada em massa em tratamentos para emagrecer, já que a droga é temporariamente eficaz na supressão do apetite. Entretanto, à medida que o tempo passa, o organismo desenvolve tolerância à anfetamina e torna-se necessário aumentar cada vez mais as doses para se conseguir os mesmos efeitos. A perda de apetite gerada pelo seu uso constante pode transformar-se em anorexia, um estado no qual a pessoa passa a sentir dificuldade para comer e até mesmo para engolir alimentos pastosos, resultando em sérias perdas de peso, desnutrição e até morte. Durante muito tempo, a anfetamina foi também utilizada para tratar depressão, epilepsia, mal de Parkinson e narcolepsia. Atualmente, apenas a narcolepsia permanece utilizando essa droga em seu tratamento.






Atualmente, a anfetamina é proibida em vários países. Em alguns países da Europa a substância foi totalmente proibida, sendo encontrada somente de forma clandestina, vinda de outros locais. No Brasil a substância é comercializada em forma de remédios para tratamento de obesidade e pessoas que sofrem de distúrbios psicológicos, sendo encontrada, portanto em medicamentos controlados que exigem receita médica do paciente.
Com o desenvolvimento da ciência atualmente existem alternativas tanto para tratar os vícios quanto para reduzir os efeitos colaterais em pacientes que, por algum motivo necessitam fazer uso das mesmas. Quando o uso é para um tratamento prolongado, é comum que haja intervalos nos fins de semana e pausas de semanas a meses. Entretanto, como regra, não há como delimitar de forma absoluta os efeitos lesivos e os paliativos são reservados a casos bem particulares na medicina.
Por outro lado, alguns esotéricos defendem técnicas que geram o mesmo estímulo das ditas aminas simpatomiméticas. Entretanto o risco de dano é tanto maior quanto menos ciência houver. Experiências com esta droga podem resultar em danos graves. Caso exista duvidas sobre a utilização deve-se procurar um farmacêutico ou médico.


Efeitos Colaterais


As anfetaminas agem estimulando o sistema nervoso central através de uma intensificação da noradrenalina, um neuro-hormônio que ativa partes do sistema nervoso simpático. Efeitos semelhantes aos produzidos pela adrenalina no cérebro são causados pelas anfetaminas, levando o coração e os sistemas orgânicos a funcionarem em alta velocidade. Resultado: o batimento cardíaco é acelerado e a pressão sanguínea sobe bastante. Ao agir sobre os centros de controle do hipotálamo, ao mesmo tempo em que reduz a atividade gastrintestinal, a droga inibe o apetite e seu efeito pode durar de quatro a 14 horas, dependendo da dosagem.
A anfetamina é rapidamente assimilada pela corrente sanguínea e, logo depois de ser ingerida, provoca arrepios seguidos de sentimentos de confiança e presunção. As pupilas dilatam, a respiração torna-se ofegante, o coração bate freneticamente e a fala fica atropelada. Em seguida, o usuário da droga pode entrar em estado de euforia e elevação, enquanto seu corpo se agita com uma intensa liberação de energia. Quando essa energia se extingue, o efeito começa a declinar, sendo substituído por inquietação, nervosismo e agitação, passando à fadiga, paranóia e depressão. Esgotadas as sensações da droga, o abuso leva geralmente a dores de cabeça, palpitações, dispersividade e confusão. Como o efeito é pouco duradouro e termina em depressão, o usuário é levado a tomar doses sucessivas, que vão aumentando na quantidade de anfetamina ingerida à medida que o organismo vai se habituando à droga. O ciclo de abuso e dependência pode criar uma reação tóxica no organismo, conhecida como psicose anfetamínica, que pode durar até algumas semanas, com irritabilidade, insônia, alucinações e até a morte em casos extremos. Os sonhos de quem abusa de anfetaminas são perturbados e interrompidos, e seu sono é pouco reparador.
Overdoses fatais, todavia, são raras, e a dosagem letal ainda é desconhecida, sendo que os usuários mais habituais podem consumir até 1000 miligramas por dia. Ao contrário do que os médicos pensavam quando se começou a utilizar a anfetamina, a droga não causa dependência física, mas psicológica, podendo chegar a tal ponto em que o abandono de seu uso torna-se praticamente impossível.
As anfetaminas são as drogas geralmente associadas com os casos de doping em corridas de cavalos, jogos de futebol e outras competições desportistas.
São usuários comuns de anfetamina no mundo todo: caminhoneiros (por provocar insônia), estudantes (por aumentar o poder de concentração), freqüentadores de raves (por dar mais energia ao organismo), jovens adolescentes obsessivos por sua forma física (por provocar perda de apetite e consequentemente perda de peso) e de profissionais que trabalham com algo que exija criatividade (por estimular as idéias).


Veja também essas dicas?
18 dicas para perder peso com saúde
Emagrecer Rápido até 4kg por Semana
Alimentos para o Tratamento da Celulite

Óleo de Coco Emagrece ou Não?



Leia a matéria abaixo sobre o óleo de coco que encontrei em um site e logo após a matéria leia os comentários e veja em quem confiar.



E encontrei outra matéria dizendo que o óleo do coco emagrece.

Bom o intuíto desta post é que vocês leiam a matéria e veja os comentários de quem já usou e tire suas próprias conclusões.

"Não há provas em relação ao óleo de coco que prove que o mesmo emagrece, o que basta para impedir que médicos responsáveis recomendem a substância como emagrecedor. Segundo Gláucia Carneiro, endocrinologista da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) e do ambulatório de obesidade da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), as evidências científicas são insuficientes para que as pessoas contem com o óleo para emagrecer.

Não há mal nenhum em usá-lo, em sua forma líquida, como substituto do óleo de origem animal ou mesmo do óleo de soja na preparação de alimentos. Ele faz parte do grupo de gorduras vegetais, mais saudável do que as animais. No entanto, é rico em gorduras saturadas. O azeite de oliva, por exemplo, tem gorduras insaturadas. Para cozinhar, tudo bem. Para emagrecer, fora de questão.

Há quem atribua ao óleo de coco a condição de um termogênico, ou seja, algo capaz de aumentar a queima de calorias no corpo. Substâncias termogênicas estão presentes no café ou no chá verde, por exemplo, mas também podem ser encontradas em suplementos alimentares. Mas, de novo, nada foi comprovado. 

Os pesquisadores concluíram que dieta com suplemento de óleo de coco não aumenta os níveis de gordura no sangue e reduz medidas abdominais em obesos. Entretanto, eles também observaram que o suplemento pode induzir uma resistência à insulina. Os cientistas, no entanto, concluíram que outros estudos eram necessários para avaliar os efeitos do alimento a longo prazo.

O endocrinologista Alfredo Halpern, professor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e autor do livro Pontos Para o Gordo, é mais taxativo. "O óleo de coco emagrece? não, é uma grande enganação. É rico em gorduras saturadas, ou seja, em excesso faz mal, e não tem nenhuma dessas propriedades sobre as quais as pessoas vêm falando. É uma gordura como outra qualquer: pode ser consumida, mas também é capaz de engordar o indivíduo", afirma.

Mancini, porém, reafirma: para emagrecer, o óleo de coco é uma bobagem. "Quem compra essa ideia joga dinheiro fora, se ilude com um caminho fácil para a perda de peso e acaba se decepcionando."

Comentários de algumas pessoas que usou o óleo e constatou que o óleo de coco emagrece:

"
Sandra
Estou tomando óleo de coco e está reduzindo meu apetite, pois me deixa enjoada e demoro mais para sentir fome, mas também estou tomando um calmante natural para reduzir a ansiedade e comer menos.

09.03.2012
Fernando
Bom qto ao emagrecimento não posso falar muita coisa, mas minha esposa que sofria com aquele calor da menopausa, diz q está muito melhor desde q começou a usar o óleo de coco

09.03.2012
Vanessa
Vanessa Como farmacêtica e professora estamos sempre estudando e pesquisando estes assuntos. Discordo desta matéria, se pesquisar nas Universidades Brasileiras e Estrangeiras tem muita pesquisa com óleo de coco, eu mesma já usei num período que não podia fazer atividade física e foi ótimo e emagrece sim, perdi medidas no abdômen e(..)

09.03.2012
carina
Essa história de óleo de coco é uma bobagem, não tem nada comprovado cientificamente. Não acreditem nisso, é uma farsa. se fosse verdade não existiria mais gordos..........

08.03.2012
Rodrigo Tavares
Só para informação de vocês. Muitos suplementos que estão no mercado tem resultados positivos, muito positivos. Apesar de sempre associarmos suplementos com homens malhando enfurnados em uma academia, os suplementos alimentares são altamente recomendados pelos médicos atuais para idosos e funcionam. Já vi idosos que a base d(..)

08.03.2012
Márcio
Não adianta tomar e não fazer nada ! Tem que mudar a alimentação, fazer academia, correr... Se não curte nada disso vai fazer uma Lipo e ficar 1 mês deitada numa cama com dores.

07.03.2012
Ju
Se nada ainda foi provado como vocês podem dizer que emagrecer com óleo de coco é bobagem??? Concordo plenamente com o comentário do Victor, um endócrino não quer perder sua clientela tão facilmente.

07.03.2012
Ana
E o óleo de cártamo é bom ou tb é bobagem?
07.03.2012
ELIS
NAÕ CONCORDO COM O QUE ESTAO FALANDO .ATE PQ NINGUEM VAI CONSUMIR O OLEO EM EXCESSO .E MUITAS PESSOAS TIVERAM RESULTADOS POSITIVOS E VOLTAM SIM PARA COMPRAR MAIS .HÁ RESULTADOS SIM E QUEM FALAR O CONTRARIO TEM QUE SE INFORMAR MAIS
07.03.2012
victor
JÁ VI ESSE FILME. ME PARECE SER MAIS UMA AÇÃO DA PODEROZISSIMA INDUSTRIA FARMACEUTICA QUE VEM CONSEGUINDO QUE NO BRASIL, APESAR DE NOSSA DIVERSIDADE NATURAL, CONTINUAMOS A CONSUMIR MAIS DROGAS SINTETICAS QUE QUALQUER OUTRO PAÍS NO MUNDO. O PIOR É QUE COMO SÃO MUITO PODEROSOS ELES TÊM UM ACESSO AO NOSSOS "HONESTO" POLITICOS E(..)
"

Veja essas dicas também:

Femproporex Emagrece e Muito Veja



Femproporex é um medicamento de uso controlado da classe das anfetaminas. É utilizado como coadjuvante no tratamento da obesidade e para emagrecer, por seu efeito anorexígeno. Mas todo medicamento tem que ser indicado pelo médico.





Foi retirado do mercado brasileiro pela ANVISA em setembro de 2011.

O Femproporex emagrece porque? É um agente simpatomimético com ação similar à dexanfetamina. Causa depressão do apetite e diminuição da acuidade pelo sabor e odor, o que leva a uma redução da ingestão de alimentos. Ocasiona aumento da atividade física, o que também contribui para a perda de peso. O sítio de ação é, provavelmente, o centro hipotalâmico lateral. Age inibindo o centro da fome hipotalâmico, tendo como neurotransmissor a noradrenalina.

Existem vários remédios que emagrece e esse é mais um que pelos comentários perde até 10kg em um mês, visto que inibe o apetite da pessoa.

O Brasil é maior produtor e consumidor dessa substância no mundo, segundo o relatório da ONU de 2009 sobre drogas psicotrópicas e medicamentos controlados, o Brasil produziu 72% desta substância comercializada no mundo[carece de fontes].

Femproporex é uma uma anfetamina pesada e com poder de dependência muito forte, é proibida em muitos países do mundo. Existem outras alternativas mais seguras para o tratamento da obesidade como a anfepramona (também é uma anfetamina, entretanto o seu poder de efeito é muito mais preciso e seguro) e o mazindol (um inibidor de apetite que não pertence as classes da anfetamina).

Essa é uma ótima dica que emagrece, porém vai até um endocrinologista e converse com ele.

Efeitos colaterais

Seus efeitos colaterais geralmente são boca seca, insônia e irritabilidade.

Contra indicações

É extremamente contra-indicado para pessoas com distúrbios cardiacos, incluindo hipertensão arterial moderada. O femproporex emagrece mas nunca chegou a ser aprovado pela FDA.

Veja alguns comentários que localizei sobre a Femproporex:

"
Faço acompanhamento com um endocrinologista e, assim como outros pacientes dele, perdi muitos quilos. Mas, paralelo a isso, desde o início, me comprometi a fazer reeducação alimentar e a fazer ginástica (ainda que isso significasse simular corrida no lugar = "correr"/trotar parado em frente a TV).

Ao longo do tratamento (sem orientação do médico nesse sentido), testei a mim mesma diversas vezes. De que modo? Ficando sem remédio. Eu quis saber se "rolava mesmo essa neura" de "estou sem remédio... vou morrer".

Estou, assim como outros pacientes que fizeram tratamento semelhante, extremamente feliz e satisfeita com o resultado. Ainda mais pelo fato de todos terem se surpreendido por não terem me visto engordar de novo (como viram outras pessoas).

Fui extremamente criticada quando optei pela via química. Mas era uma das minhas últimas alternativas (eu ia tentar Vigilantes do Peso, mas como meus horários no escritório são super instáveis e estudo a noite e aos sábados, ficou inviável - pelo menos enquanto eu estudar).

As pessoas que se submeteram ao mesmo tratamento que eu e ainda frequentam o consultório do endocrinologista estão magras há meses (conheci uma esses dias que não engorda há 3 anos). Muitas abandonaram o remédio há tempos. Hoje, tomam cápsulas de faseolamina com essa ou aquela coisa também natureba.

Eu nunca fui obsersa mórbida (hahahaha - longe disso). Engordei quase 20 quilos em quase 5 anos de faculdade e trabalho, mas GRAÇAS AO BOM DEUS, meu corpo é proporcional e isso acabou fazendo o meu corpo ser o da gostosona (uma menina de belas formas, mas com um pouquinho de gordura aqui ou lá) e isso fez com que eu não percebesse (pq as roupas continuavam bonitas) a bizarrice que eu tinha virado (minhas calças jeans não passavam no culote...).

Minha primeira dieta foi aos 11 meses (sim, um bebê), quando o médico pediu que minha mãe tirasse o açúcar da mamadeira e me deixar longe da minha avó, pq ela só queria me dar comida. Aos 6 anos já tomava remédio homeopático. Dentre idas e vindas de endocrinologistas, emagreci quando era aborrescente e vi que os meninos me deixavam meio de lado em relação às amigas magrinhas.

Mas só consegui o corpo dos sonhos na minha fase "rata de academia". Malhava cerca de 5 horas por dia (musculação + boxe + natação + aulas diversas). Hoje, esse ritmo de treino é inviável, mas eu só mantinha isso porque, como gostava de comer, precisava malhar muito pra ter, indiretamente, uma dieta hipocalórica.

Hoje eu posso dizer com todas as letras que sou uma nova mulher. Sou absolutamente feliz e muito grata ao meu médico por ele ter feito com que (ainda que eu tenha me utilizado inicialmente de uma "droga") minha relação com a comida mudasse: o que antes era "como por prazer, e daí?", hoje é "como apenas o que é necessário para me manter em pé, com saúde".

TORÇO PRA QUE ESSA PESSOA QUE DESCREVEU A VIDA TRISTE QUE LEVA UM DIA MELHORE. PROCURE UM MÉDICO. ESSES REMÉDIOS NÃO SÃO BRINCADEIRA. POR ISSO ELES TÊM TARJA PRETA. FIQUE COM DEUS.



RE: EFEITOS PÓS FEMPROPOREX
enviado por BIANCA


Gente eu ja tomei um mes o anfepramona e perdi 10 kilos em um mes e meu peso nao voltou, depois de tres anos eu parei de fumar e ai meu peso volto com isso comecei a tomar o fenproporex e perdi 9 kilos em um mes... e ate agora nao voltei, isso é conversa, volta se vc se empolgar que esta magro e sair comendo muito. Depois que vc parar o remedio, vc ainda n vai conseguir comer muito porque vc vai se satisfazer com pouca comida ja que vc ficou comendo pouco com o remedio. Você pode toma o remedio por uns dois meses para nao largar tao rápido, e quando for largar faça qe nem eu vai aos poucos, um dia vc toma o outro nao... assim vc vai largando ele... 
E  o que o povo fala de ai da nervosismo, dor de cabeça,insonia.. isso vai de cada um, se fosse matar o médico nao te receitava. O que vc nao pode é ficar a base de remedio e sempre que ganhar dois kilinhos tomar remedio ai nao rola.
Se a gente for ligar pra bula de remedio a gente nao toma nada, porque ate remedio pra o de cabeça da um monte de coisa... Os sintomas que eu tive foram a boca seca, e no primeiro dia n conseguo dormir, mas depois fiquei normal. E a boca seca é otimoo que ai vc toma bastante agua e elimina as gorduras... e vc perde gordura sim. Eu perdi tudo perdi, braco,perna,bunda,barriga o remedio é otimo te deixa magro por completo...
PRA NAO VOLTAR O PESO? TOME O REMEDIO POR MAIS UM TEMPO MSM QUE VC ESTEJA SATISFEITO COM SEU PESO... PRO CORPO IR SE ADAPTANDO A PERDA DO REMEDIO.. E DEPOIS AJA COMO SE TIVESSE TOMANDO O REMEDIO COMA MENOS E MAIS VEZES, EU CONTINUEI FAZENDO ISSO E NAO ENGORDEI NADINHA!!

E SE NAO QUER PROBLEMAS COM O REMEDIO NAO BEBA DE JEITO NENHUM!!


----
BIANCA TASSINARI
Empresas/Outras



RE: EFEITOS PÓS FEMPROPOREX
enviado por BIANCA



O PROBLEMA É QUE AS PESSOAS FALAM MAL PQ PRA ELAS N DERAM CERTOOO, EU FIKEI TRES ANOS COM O MSM PESO A VOLTA FOI POR PARAR DE FUMAR... E DEPOIS PERDI DE NOVO E CONTINUO COM O PESO!!
COMO MEU MEDICO DISSE VAI DEIXANDO AOS POUCOS DEPOIS O REMEDIO
TOMA DOIS NA SEGUNDA,UM NA TERCA,NAO TOMA NA QUARTA NEM NA QUINTA,TOMA NA SEXTAAA.. E ASSIM VAI!!

EU FAÇO EXERCICIOS TB, MAS VC JUNTANDO A BOA ALIMENTACAO E O EXERCICIO A PERCA DE PESO É BEM DEVAGAR.... TOMA O REMEDIO E DEPOIS N ABUSE DA COMIDA... TIRA O PAO,ARROZ,O LEITE,O FEIJAO,DOCE,REFRIGERANTE E MASSA NA SEMANA E NO FDS COMA O QUE QUISER EU FAÇO ISSO!!

E TOMA O REMEDIO SIM SEU PESO N VAI VOLTAR SE VC SOUBER MANTER  A BOCA E SE VOLTAR VC VAI DOSANDO COM O REMEDIO!! SO É GORDO QUEM QUER.... ESSE REMEDIO FUNCIONA E MUITOOOO
----
BIANCA TASSINARI
Empresas/Outras
"

Ração Humana Emagrece Mesmo?



A ração humana, como ela é uma mistura de cereais integrais e sementes, torna-se muito rica em fibras – o que ajuda a dar uma maior sensação de saciedade e faz com que a fome demore mais tempo a aparecer. Assim fica mais fácil de fazer com que a equação “comer menos calorias do que se gasta” funcione na prática.



Não pode trocar uma refeição principal do dia pela ração humana, não é aconselhável fazer isso! Substituir uma refeição diária (café da manhã ou jantar, por exemplo) por leite/iogurte/frutas/vitaminas com a ração humana pode ser perigoso. O emagrecimento saudável não é fruto da restrição e/ou diminuição brusca de alimento. Na verdade, é resultado de um controle equilíbriado da alimentação ao longo do dia.

Vamos falar um pouco mais sobre a ração humana.

Comer ração, quem diria, deixou de ser exclusividade de animais de estimação para virar coisa de quem está preocupado com a forma física. Trata-se da ração humana, mistura de ingredientes como cereais integrais e oleaginosas, que está sendo apontada como grande aliada no emagrecimento. O produto tem a finalidade de complementar a alimentação convencional. Os componentes são ricos em fibras solúveis e insolúveis, que moderam o apetite, regularizam o intestino e auxiliam no controle do colesterol. Devido ao alto teor de fibras, a ração humana aumenta a sensação de saciedade, ajudando a perder peso.

Para quem estiver fazendo regime, a profissional recomenda substituir o café da manhã ou o jantar pela ração humana. Ela pode ser misturada em sucos e vitaminas, no extrato de soja, em bebida de arroz ou no leite. A ingestão diária recomendada é de 20 gramas, o equivalente a duas colheres de sopa. O efeito do produto é potencializado quando ele faz parte de um cardápio rico em frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos, cereais integrais e óleos vegetais prensados a frio.

Mas a ração não serve apenas para auxiliar no emagrecimento. Rico em nutrientes, o produto ajuda a fazer com que o intestino trabalhe melhor, além de contribuir para reduzir as taxas do LDL, o mau colesterol. Nesse caso, ela pode ser consumida em um iogurte ou em saladas de frutas, no lanche da manhã ou da tarde. Por ser feita de cereais integrais, a ração é boa fonte de vitaminas do complexo B, cálcio, magnésio e fibras. A linhaça é fonte de ômega-3 e o cacau tem efeito antioxidante.

Para que a mistura ofereça a sensação de saciedade, entretanto, é fundamental consumir água e outros líquidos. Se a pessoa não beber água pode não ter a fome diminuída e ainda reclamar de constipação intestinal e flatulência
.

Se você tem alguma dúvida em comprar e tem medo de ser enganada, você mesmo poderá montar sua ração humana, veja como:

Receita da Ração Humana

500g de soja em pó 
500g de farelo de trigo 
500g de farelo de aveia 
100g de gergelim 
100g de linhaça dourada 
100g de guaraná em pó 
100g de levedo de cerveja 
100g de gérmen de trigo 
100g de açúcar mascavo 
100g de gelatina sem sabor 
100g de quinua 
100g de cacau em pó 
100g de farinha de maracujá